Compartilhar Notícia

Estudo da J.D. Power mostra que o valor negociado ainda é o critério mais valorizado por consumidores brasileiros.

A J.D. Power divulgou nesta quinta-feira (13) seu seu terceiro Analyst Note do ano relativo ao mercado automobilístico brasileiro. O estudo pontua algumas considerações sobre a satisfação dos consumidores na hora da compra do carro novo e ajuda a entender alguns comportamentos dos brasileiros no momento da aquisição. 

O relatório preparado por Sergio Sanchez, gerente sênior de práticas automotivas da empresa, aborda cinco temas mais valorizados pelos consumidores em sua relação com as concessionárias, sendo que neste ano o item mais valorizado por quem adquiriu um carro novo foi a concessionária que ofereceu “o melhor negócio/preço mais baixo” com 29% da preferência dos consumidores.

Logo em seguida, com 16% de relevância para os clientes, figurou “a concessionária que tinha o veículo exato” que a pessoa desejava no momento da compra. Empatado com o mesmo percentual ficou “a concessionária que me atendeu bem” na opinião dos consumidores.

Em quarto lugar, com 14% na preferência dos clientes, ficou a concessionária que tinha a “disponibilidade do modelo desejado”. Por fim, com 9%, um dos quesitos mais relevantes para os consumidores foi a localização da concessionária.

Um ponto interessante levantado pela pesquisa é que os clientes motivados por preço/negócio apresentam uma das menores taxas de intenção em comprar no mesmo local (39%) e, quando perguntados se visitaram outras concessionárias anteriormente, 52% afirmaram que sim.

Por outro lado enquanto somente 16% escolhem uma concessionária pelo bom atendimento, mais da metade (53%) destes responde que definitivamente retornará para comprar outro veículo e somente 44% afirmaram ter visitado alguma outra concessionária.

Agrupando as montadoras por razões de escolha da concessionária, notam-se as seguintes relações: quando a principal razão é o preço/negócio, as três marcas que atraem mais os clientes são: Renault (36%), Chevrolet (33%) e Fiat (30%). Quando o motivo principal da escolha é por bom atendimento, as marcas mudam completamente. A Toyota lidera com 21%, seguida por Nissan (20%) e Hyundai-CAOA (18%).

Não por coincidência, as marcas com os maiores índices de “definitivamente comprará novamente na mesma concessionária” são algumas das escolhidas por bom atendimento: Ford (55%), Hyundai-CAOA (52%) e Nissan (51%).

Por fim, a J.D. Power ainda aponta como destaques da edição 2017 do Sales Satisfaction Index Brasil ressaltando que para conquistar a lealdade e fidelidade do cliente, é fundamental atender e superar suas expectativas. Para tanto, criar e estabelecer a consistência de processos voltados para a sua experiência e apresentar um bom gerenciamento logístico, que garanta o veículo no showroom, são requisitos fundamentais.

Publicada em 14/07/2017 - 15:14 por AUTOO