Compartilhar Notícia

Com investimentos na ordem de R$ 30 milhões, o projeto prevê a produção compartilhada entre as plantas de Indaiatuba e Sorocaba, ambas no interior de São Paulo.

Se tem um modelo que parece não ter sido afetado pela crise vivida pelo setor automotivo, ele é o Corolla. Só em novembro, mês que as vendas encolheram 32,33% em relação a 2014, o sedã da marca japonesa emplacou nada menos do que 5.694 unidades e praticamente garantiu 50% de participação do segmento com total superior à soma dos oito adversários mais próximos. Projetando um 2016 ainda melhor, a Toyota anunciou que passará a produzir o modelo também em sua unidade de Sorocaba.

Com investimentos na ordem de R$ 30 milhões, o projeto prevê a produção compartilhada entre as plantas de Indaiatuba e Sorocaba, ambas no interior de São Paulo.

Em nota, a marca destaca que a decisão de compartilhar a operação de montagem do Corolla entre as duas plantas da marca objetiva o aumento da flexibilidade, eficiência e a competitividade da empresa. As operações terão início no final de 2016. A fabricante também ressalta que os padrões de qualidade serão mantidos na nova linha.

Publicada em 18/12/2015 - 15:15 por Valor